André Fiuza e Marcelo Peek são campeões brasileiros de 420

24177843259_564e371ebb_o.jpg

O Brasileiro da classe 420 2016 terminou no Veleiros do Sul com a vitória dos paulistas André Fiuza e Marcelo Peek. Eles lideraram os cinco dias de competição e neste sábado confirmaram o título ao não ser disputada a última regata por falta de vento em Porto Alegre.  Em segundo lugar ficaram os gaúchos Tiago Brito e Pedro Zonta e na terceira colocação Ricardo de Castro Paranhos e Gabriel Tolentino, de Brasília. A dupla do Yacht Club Santo Amaro conquistou o seu segundo título da classe 420 no espaço de um mês. Em dezembro eles venceram a III Copa Brasil de Vela e agora veio o Brasileiro e começaram a velejar em setembro, se dedicando forte aos treinos.

“Tudo isso foi reflexo de muito tempo na água. Nós velejamos em Ilhabela (SP) e no Rio de Janeiro, quase todos fins de semanas. No Brasileiro, depois de três dias sentimos que nossa chance de sermos campeões era grande”, disse o timoneiro André, 15 anos. Eles também tentaram ir para o Mundial da Juventude da Federação Internacional de Vela (ISAF) na Malásia, no início de janeiro, mas na seletiva nacional perderam a vaga para a dupla do RJ Leonardo Lombardi e Rodrigo Luz, que conquistou a medalha de prata em Langkawi. No Brasileiro os cariocas ficaram com o quarto lugar. “Na minha opinião a Vela Jovem brasileira está numa ótima fase, muita gente mostrando o seu talento e ganhando títulos. É muito promissor”, avalia o timoneiro André que não contará mais com o seu proeiro. “Eu irei estudar engenharia na Alemanha e precisarei largar por um tempo a vela”, conta Marcelo, 18 anos.

O sábado foi de muito calor com a temperatura chegando aos 38ºC em Porto Alegre. A décima regata estava prevista para largar as 13 horas, os velejadores foram até a raia da Pedra Redonda onde um vento de noroeste soprava na intensidade de 10 nós. No entanto, ao se aproximar do começo da regata o vento enfraqueceu e ficou rondado, não dando condições técnicas para a disputa. A Comissão de Regatas esperou até às 16 horas, tempo limite para largar. Já perto de estourar o horário o time do Yacht Club Santo Amaro gritava na raia: “é campeão” comemorando os títulos geral e feminino. Os gaúchos Tiago Brito e Pedro Zonta, que estavam apenas dois pontos atrás dos paulistas, viram suas esperanças de uma vitória em casa murcharem como as velas dos barcos na raia, e Tiago, bicampeão brasileiro (2014 e 2015) alcançar o seu terceiro título consecutivo.

Na categoria feminina as paulistas Olivia Belda e Marina Arndt foram as campeãs, seguidas pelas argentinas Clara Videla Sofia Videla. Olívia, 15 anos, e Marina, 14, já velejaram no Guaíba, mas dessa vez conforme a timoneira, o clima ajudou bastante a dupla na conquista do bicampeonato brasileiro feminino. “A gente prefere velejar no calor, frio a gente não gosta. E o vento forte também ajudou, deu pra aproveitar bem tudo o que costumamos treinar”. A dupla também se prepara para o Mundial, onde, diferente do Brasileiro, velejarão só entre as garotas. “Velejar com os meninos é bom, mas só entre as meninas é muito mais legal porque a gente se sente mais confiante. Especialmente lá na Itália, onde o vento vai ser mais forte, como tivemos aqui, o que fez valer como treino. Só vamos ter que fechar a boca para ficarmos mais leves”, brincou Olívia que aproveitou para agradecer os familiares, destacando Bernardo Arndt, o Baby (técnico  da dupla e pai de Marina).

O Veleiros do Sul competiu com três tripulações formadas por jovens velejadores alguns saídos no ano passado da classe Optimist. Tiago Quevedo e Erik Hoffmann terminaram em 10º Iugar e subiram no pódio da categoria Júnior onde ficaram em terceiro lugar. Os outros dois representantes do Clube foram: Iagor Franco e Philipp Rump, em 18º e Nicolas Mueller e Gabriel Mueller em 19º. Veja a súmula final.

No início da noite de sábado ocorreu a premiação do Brasileiro da classe 420 com uma festa no Veleiros do Sul. Participaram 21 duplas do RS, SP, RJ. DF e Argentina. O Brasileiro da classe 420 de 2017 será em janeiro, Ilhabela.

Classificação Geral
1º André Fiuza e Marcelo Peek  (YCSA – SP)
2º Tiago Brito e Pedro Zonta (CDJ – RS)
3º Ricardo Paranhos e Gabriel Tolentino (ICB/ICJG – DF/RJ)
4º Leonardo Lombardi e Rodrigo Luz (ICRJ – RJ)
5º lugar geral – Cláudia Mazzaferro e Andrei Kneip (YCSA/CDJ – SP/RS)

Categoria Feminina
1º Olivia Belda e Marina Arndt (YCSA – SP)
2º lugar –  Clara Videla e Sofia Videla (YCA – ARG)
3º lugar – Clara Penteado e Mariana Rittscher (ICRJ – RJ)

Categoria Júnior
1º Gustavo Luis e Pietro Motta (ICRJ – RJ)
2º Olivia Belda e Marina Arndt (YCSA – SP)
3º Tiago Quevedo e Erik Hoffmann (VDS – RS)

Fonte: VDS

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s